Notícia

Vírus modifica boleto bancário e seu pagamento não vai para onde devia ir

Publicado por: Lucivan Oliveira
|
Em: 25/06/2014 16:36
|
Visualizações: 4653

Se você não confia em internet banking e prefere imprimir boletos e pagar direto na agência do banco, é bom tomar cuidado: um vírus altera dados do boleto e faz o pagamento cair em outra conta, não na que você desejava.

 

Segundo o Linha Defensiva, o vírus detecta quando um boleto é aberto no navegador e altera números da linha digitável para alterar a conta que receberá o dinheiro. Assim, você imprime um boleto com data de vencimento e valor corretos, mas com destino alterado.

 

Ele age em qualquer site com linha digitável e a palavra “boleto”. O Linha Defensiva explica que os dados do boleto são enviados para um servidor, que informa novos dados para serem substituído. Isso causa uma pequena demora para abrir o boleto no seu browser.

 

O vírus também torna o código de barras inutilizável. Ele só altera a linha digitável, e não consegue modificar o código para alterar a conta de destino. Então ele quebra o código de barras para o leitor do caixa não conseguir identificar, forçando quem quiser fazer o pagamento a digitar a sequência numérica – essa sim alterada.

 

Boleto Falso

Nem o logo do banco é alterado. O exemplo acima mostra um boleto com o logo da Caixa, mas o código do banco (033-7) é do Santander (em destaque está a linha digitável com o código original da Caixa e, abaixo, o código de barras alterado para não ser reconhecido pelo caixa).

 

O vírus também tenta desabilitar o firewall do Windows e softwares de segurança dos bancos, além de roubar senha do Facebook e Hotmail.

 

Para evitar o vírus, a primeira coisa é ter o antivírus atualizado. Ele está em circulação há cerca de três semanas e é facilmente detectado por antivírus. Ainda assim, caso você perceba uma lentidão na hora de abrir um boleto, perceba que o código de barras tem um buraco branco e as linhas digitáveis dos seus boletos são bem parecidas, é possível que você esteja infectado por ele.

Fonte: http://tecnologia.br.msn.com